Novidades em pré-venda

Em tempo de crise pandémica e económica, a Companhia das Ilhas está determinada em continuar a sua actividade, em manter a sua relação de confiança com os leitores.
A partir de 1 de Maio de 2020, a Companhia das Ilhas reforçou a componente de venda directa, disponibilizando em regime de pré-venda os novos títulos.

O leitor em primeiro lugar

Os livros anunciados em pré-venda beneficiam de um desconto de 20% sobre o preço de venda em livraria. O leitor assegura assim o seu exemplar antes de a obra entrar no circuito das livrarias. Portes gratuitos (correio não-registado dos CTT).
As encomendas podem ser para: companhiadasilhas.lda@gmail.com
ou através do site em “Encomendas”.

― Livros em pré-venda:

MÚSICA NORMAL
Sebastião Belfort Cerqueira

Oferta especial de PRÉ-VENDA (até 31 de Janeiro de 2021):
9,60 € (desconto de 20% sobre o preço de livraria: 12 €).
Portes gratuitos. Pedidos para: companhiadasilhas.lda@gmail.com

É costume dizer-se que por trás de um poema há sempre outro poema. No meu caso, a maioria das vezes não são poemas no sentido estrito mas certas composições musicais ou canções pop. Em Música Normal, os poemas continuam a ser sobre muitas coisas, mas a música que está por trás deles é trazida para a frente. Perceber o seu papel na minha vida, e na minha poesia, é o que move o livro.
Sebastião Belfort Cerqueira

Sebastião Belfort Cerqueira nasceu em 1987, em Lisboa, e foi viver para Azeitão. Hoje vive em Setúbal. Doutorou-se em Teoria da Literatura. Publicou os livros de poesia O Pequeno Mal (Edições Sempre-em-pé, 2011), EL SEGUNDO (edição de autor, 2015), RSO&SBC (com Ramiro S. Osório, Douda Correria, 2018) e Monda (Edições Sempre-em-pé, 2019). Foi organizador do ciclo de conferências Poesia no Museu, no Museu Nacional da Música. Foi considerado uma das “vozes dissonantes da novíssima poesia portuguesa” pelo Público, em 2018. Foi estivador. É tradutor. É vendedor de bolas de berlim.

Fugs

Descontentamento sim
Mas a cantar

Desagravo mas à desgarrada Estes putos confundem as coisas

A poesia é toda uma piada.

norte, falca e légua
m. parissy
Oferta especial de PRÉ-VENDA (até 31 de Janeiro de 2021):
8,80 € (desconto de 20% sobre o preço de livraria: 11 €).
Portes gratuitos. Pedidos para: companhiadasilhas.lda@gmail.com

norte, falca e légua são poemas que atravessam a fase final da adolescência do autor e que se espraiam pelas areias da, agora famosa, Praia do Norte. A descoberta das outras praias e zonas dunares que serviam de leito perante a chegada das estrangeiras, a rebeldia conjugada com o apelo do mar, ou a inquietações de quem não se revê no estado e na normalidade dos dias e está «Exactamente proporcional ao que as gaivotas sentem quando / atravessam o recorte para o fim: voar somente e não esperar nada.».

m. parissy (Nazaré, 1969) é pseudónimo. Tem publicados vários livros, entre eles, cafurnas, pólen, noite dos licornes – dança com vista para desenhos de Mário Botas ou ferido. Autor do disco língua que reúne poemas do período 1985-2015. Participou em várias antologias, revistas e fanzines.

Nas valas do areal estendia-se a esteira. Armadilha
perfeita.
As flores pousadas na terra desconhecida eram observadas. A cabeça como periscópio.
Quase todas as presas cederam.

BREVEMENTE

– O VALE DA ESTRANHEZA: Catarina Costa   
– A MULHER SAPIENS: Cláudia Lucas Chéu

     ESTA OFERTA DE PRÉ-VENDA
ESTÁ EM PERMANENTE ACTUALIZAÇÃO