Variações da Perda

Nuno Dempster

Variações da Perda é seguramente a melhor colectânea de poemas de Nuno Dempster e a que mais aprofunda os seus assuntos dilectos: o presente e o perdido (a infância e a juventude); o amor enquanto reflexão poética não sentimental; a relação com o quotidiano; o antagonismo entre a cidade e o campo; Deus, a ideia que falhou e a recusa da metafísica; a contestação da sociedade, comprometida tão-só com a libertação do homem; enfim, a poesia, assunto para reflexão e crítica. Nuno Dempster serve-se de certa melancolia enquanto potenciadora de beleza, da meditação, da recusa e da ironia por vezes cáustica. Juntemos isto à clareza e segurança da escrita poética e entremos no universo diferente de Variações da Perda.

 

Oferta especial de PRÉ-VENDA (de 1 a 31 de Maio): 10,40€ (desconto de 20% sobre o preço de livraria: 13€). Portes gratuitos.

Pedidos para: companhiadasilhas.lda@gmail.com

Excerto

POÉTICA
As palavras, não já sinais de código
que hermeneutas desvendam, tão-somente
contas que se encadeiam em colares,
apanhadas aqui e além na margem
de estações sucessivas, a existência
que pouco a pouco as forma e justifica,
palavras de um só uso, tão exactas
quanto é possível ser exacto um pássaro
que não é bem um pássaro, imagem
que se eleva dos campos como um pássaro
e não chega a metáfora, talvez
o voo e a cor libertos que sobrevivem
no limiar do acúmulo, memória
de vida debruçada sobre a vida.
Da experiência mais íntima
se libertam palavras e figuras
e tão cuidadamente que esse pássaro
torna a ser, daquela imagem, o pássaro
que voa, verdadeiro, no poema.

Nota de leitura

Ficha Técnica

ISBN: 978-989-9007-12-3

Dimensões: 15,5×17,5cm

Ano: 2020 | Junho

Edição: # 200

Género: Poesia

Colecção: azulcobalto # 086

Nº páginas: 84

PVP: 13 €

Autor