Pedro Eiras

Pedro Eiras nasceu no Porto em 1975.

Desde 2001, publicou obras de ficção (Bach, A Cura, Cartas Reencontradas de Fernando Pessoa, entre outras), teatro (Um Forte Cheiro a Maçã, Uma Carta a Cassandra, Um Punhado de Terra, Bela Dona), ensaio (Esquecer Fausto, Tentações, Os Ícones de Andrei, Constelações).

Alguns dos seus livros foram publicados no Brasil e em França, e várias das suas peças de teatro encenadas ou lidas em dez países.

É Professor de Literatura Portuguesa na Faculdade de Letras da Universidade do Porto.

 

 

Na Companhia das Ilhas